Servidores: Cris Gradella reforça compromisso de pagamento do restante do salário na sexta



A vereadora se pronunciou sobre o assunto na sessão desta terça-feira (04) do poder legislativo, na justificativa de um requerimento de sua autoria solicitando informações sobre qual o percentual de servidores municipais que aderiram ao programa de adiantamento do 13º proposto pela atual gestão. Cris Gradella, não concorda com a justificativa de que esse tenha sido um dos motivos para a dificuldade enfrentada pela prefeitura, que resultou no pagamento parcial dos salários do mês de setembro.
“O município fez uma campanha há dois meses, incentivando funcionários a pedirem adiantamento de 13º e férias, mas ao que parece que não fez nenhum planejamento antecipado” disse, reforçando que também ocorreram demissões de contratados que foram substituídos por candidatos de lista de concursos. “Se não havia disponibilidade de caixa para pagamento dessas exonerações não deveria ter acontecido agora” salientou.
A vereadora, no entanto, afirmou que ainda no sábado o Prefeito José Izauri de Macedo, se reuniu com o legislativo e garantiu que nesta sexta-feira 06 de outubro, a complementação do pagamento estará na conta de cada funcionário. “Eu entendo a luta do prefeito e do gerente de finanças, as dificuldades que tem para administrar uma receita em queda e despesas que se mantém, mas há necessidade de planejar melhor” disse.
Cris Gradella defendeu que setores como da saúde, a qual conhece a fundo por ter sido gerente da pasta, existem complementações de salário e horas extras que representam 50% do ganho do servidor. “Um atraso prejudica muito, porque todos fazem compromissos em cima do pagamento integral” falou, ressaltando que no caso do hospital a hora extra é necessária porque falta profissionais. “Essas horas são realmente feitas e direito do servidor” destacou. A vereadora citou o caso de enfermeiros e bioquímicos que recebem uma produtividade fixa mensal, que dependem desse valor para manter suas famílias.
A vereadora confirma que tem acompanhado, através do seu mandato, as dificuldades por qual está passando o município. A luta do prefeito por conta da queda da arrecadação. “Precisamos torcer por uma reação positiva da economia, para os municípios saírem desta situação” afirmou. Cris Tezolini GradellaRenata Sena Moraes HervatiniDanielen SchuhmannRosangela Farias SofaLuis BrunoLuiz Alberto JúniorPaulo Henrique FariasLincoln PizzattoAntonio Gomes Filho


Voltar para as Notícias