Júnior do PT e Fí da Paiol cobram do Prefeito Izauri término das Obras da Creche do Ipê




Após criação de uma Comissão formada em 2018, com o intuito de acompanhar a retomada e conclusão da construção das Obras da Creche do Bairro Ipê em Naviraí; os Vereadores Júnior do PT e Fí da Paiol, acompanhados por outros integrantes, estiveram na tarde de Segunda-Feira (1º de abril), no Gabinete do Prefeito Izauri de Macedo; quando na oportunidade entregaram Ofício, contendo solicitações que cobram o empenho da Administração, para que o término das obras, possa acontecer no menor tempo possível, para que as famílias daquela localidade possam usufruir das vagas que serão geradas.

Fí da Paiol, Júnior do PT e demais membros da Comissão relataram ao Prefeito Izauri, alguns pontos específicos, classificados como urgentes e extremamente importantes, como, a viabilização de Instalações Elétricas, Postes para Iluminação Pública, implantação de Cercas e profissional de Vigilância no local.

Todas essas normativas poderão garantir a proteção do prédio, até que as obras sejam concluídas; “Temos que preservar o que já foi construído, para evitar depredação da infraestrutura já existente, proporcionando também maior segurança aos moradores da região e manter em ordem esse importante patrimônio público, que futuramente estará beneficiando muitas famílias e alunos do Bairro Ipê”; afirmaram os integrantes da Comissão.

A Creche do Ipê, que em homenagem póstuma, recebeu o nome de Professor Francisco Aquino, foi iniciada no ano de 2012; sendo que em Janeiro de 2019, foi entregue ao município, e até o momento não foi concluída, e com a formação da referida Comissão de Acompanhamento, espera-se que as Obras sejam realizadas com mais rapidez, para que seja colocada em funcionamento o quanto antes, dando respaldo as inúmeras famílias que aguardam as possíveis vagas; durante reunião, o Prefeito Izaurí de Macedo, comprometeu-se em dar maior agilidade ao processo de finalização das Obras.


FONTE: Assessoria de Imprensa
FOTOS: Régis Luiz/Assessoria de Imprensa


Fonte: Reginaldo Luiz Teixeira

Voltar para as Notícias